O ‘Japan Monkey Centre’

Museu e Zoológico para Primatas Não Humanos

Expomos e criamos aproximadamente 60 tipos diferentes dos 1000 primatas de todo o mundo.

Mapa do Zoológico
Download map here
Our Zoo Map are also available in the following languages:
English 日本語 日本語  Français Chinese 简体中文  繁體中文 Korean 한국어

Planeje sua visita

Endereço: 26 Kanrin, Inuyama, Aichi 484-0081 Japão

O‘Japan Monkey Centre’ (JMC) fecha todas as terças e quartas e durante os dias de semana em fevereiro. Abertura nos feriados

Horário de Abertura

Março - Outubr
10:00 - 17:00
Novembro - Fevereiro
10:00 - 16:00
Directions

20 minutos a pé da estação de Inuyama na linha Inuyama Meitetsu.

Indo para estação de Inuyama
Da estação Meitetsu-Nagoya
Aproximadamente 25 minutos pelo “Expresso Limitado Rápido” (Rapid Limited Express em inglês, Kaisoku Tokkyu em japonês) ou pelo “Expresso Limitado” (Limited Express em inglês, Tokkyu em japonês)
Da estação Japão Central Aeroporto Internacional
Aproximadamente 55 minutos com μSKY Expresso Limitado (μSKY Limited Express em inglês e Myu Sukai em japonês)

Para mais informações, veja Mapa e Guia de Transportes no site do Centro de Informações Turísticas de Inuyama (site em inglês): http://ml.inuyama.gr.jp/en/directions-and-maps-en

Entrada

Adulto (18 anos e acima)
800 yen
Júnior (De 7 a 15 anos)
400 yen
Criança pequena (Entre 3 e 6 anos)
300 yen
Bebês Menos de 2 anos
Free

Primates

DESDE 1957

O mais antigo periódico internacional de primatologia

‘Primates’ é o mais antigo periódico internacional de primatologia, publicado pelo ‘Japan Monkey Centre’ em 1957. O objetivo deste periódico é promover a pesquisa no que diz respeito às conexões e entre primatas não humanos e o homem.

A seção do museu do ‘JMC’ está assumindo o papel de nomear o editor chefe e os membros do conselho editorial e executivo, desempenhando ainda o papel de acolher o encontro do conselho editorial e de coordenar a edição do periódico ‘Primates’.

Desde o volume 44 (2003), ‘PRIMATES’ é publicado pela Springer.

Veja ‘Primates no website da Springer (em inglês)

Notícias

Macaca fuscata yakui

Monkey Valley

Lavagem de batata doce por macacos japoneses

Os macacos japoneses (Macaca fuscata yakui) são conhecidos por demonstrarem o comportamento de lavar batatas doces e outros alimentos no rio, no Monte do Macaco (Monkey Valley). Primeiro eles imergem as batatas doces na água e posteriormente esfregam-nas contra as rochas. O comportamento pode ser repetido várias vezes antes do alimento ser consumido e, inclusive pode ser observado usando outros itens, por exemplo, maçãs.
O processo de lavar as batatas doce foi observado pela primeira num grupo de macacos japoneses selvagens na ilha de Koshima, no Japão, e foi considerado como um comportamento pré-cultural (Kawai, 1965; Hirata et al., 2001). Embora o ato de esfregar seja bastante comum em macacos (Torigoe, 1985), o comportamento de esfregar objetos dentro de água, demonstrado pelos macacos no JMC, é raro e interessante.
Este comportamento pode ser facilmente observado durante a alimentação dos macacos que decorre das 15:30 às 16:00.
Por favor, venha visitar-nos e divirta-se!

Apoie o JMC

O seu donativo ajudar-nos-á na realização de atividades importantes, no Japan Monkey Centre (JMC).

O JMC tem como principais objetivos, tanto, ajudar diretamente os símios, macacos e prossímios, como consciencializar e educar o público em relação a estes primatas não humanos.
O financiamento irá permitir-nos:
- Conservar os habitats naturais dos símios, macacos e prossímios
- Maximizar o bem-estar dos primatas em cativeiro (através de programas de enriquecimento ambiental)
- Publicar livros e revistas académicas através das quais será possivel comunicar os recentes conhecimentos científicos
- Arquivar espécimes de primatas que morreram de causas naturais (uma fonte valiosa de informações)
- Organizar uma vasta gama de programas educacionais
- Hospedar eventos com o objetivo de compartilhar informações científicas com o público geral


Faça já o donativo!

Diretores

Kazuo OIKE
President
Juichi YAMAGIWA
Diretor do Museu
Gen'ichi IDANI
Diretor do Zoológico